(44) 99949-3599  |  /andrealmenaraoficial


Advogado consegue adiar julgamento de rapaz que cometeu homicídio em Sarandi


O advogado Emerson Farias, da cidade de Sarandi, conseguiu adiar o julgamento de seu cliente, Gabriel Oliveira, de 19 anos, acusado de cometer um crime de homicídio contra Carla Daniele Meireles Canova, de 22 anos. O assassinato ocorreu em 22 de outubro de 2016 no Jardim Nova Aurora, na cidade de Sarandi.

O júri popular estava marcado para acontecer por volta de 9h da manhã desta quinta-feira (7) no Fórum da cidade. O advogado de defesa de Gabriel alegou ao Juiz de Direito e Presidente do Tribunal do Júri, Leandro Albuquerque, e a Promotora de Justiça, Dra. Carla Cristina Castner Martins Serra, que o réu estava impossibilitado de acompanhar o seu julgamento já que estava com fortes dores na perna devido a uma queda que aconteceu esta semana em decorrência de uma tentativa de fuga na cadeia pública de Sarandi. Gabriel fraturou a perna ao cair do muro da delegacia.

Gabriel estava com uma perna engessada. O Juiz de Direito decidiu então encerrar a sessão no plenário dispensando o corpo de jurados e o réu, Gabriel Oliveira para retornar a cadeia. De acordo com o advogado Emerson Farias, não foi definida nova data para o julgamento. O réu ainda é acusado de ter praticado outro homicídio no mesmo mês de outubro de 2016 no Jardim Independência em Sarandi. 


Redes Sociais:

Compartilhar no facebook


Copyright © 2013-2017 Logicomp Soluções e TI & Logicomp Studio. Todos os Direitos Reservados